Depois de um empate a um golo na primeira mão, a decisão desta terça-feira chegou aos 90 minutos com resultado idêntico. Logo aos cinco minutos Server Djeparov colocou o Uzbequistão na frente, levando os adeptos ao delírio. Mas antes do intervalo Saeed Al Murjan marcou para a Jordânia e repôs a igualdade.

Seguiu-se o prolongamento, que ainda ficou marcado por um apagão no estádio, sem mais golos. A seguir as grandes penalidades, onde a Jordânia levou a melhor por 9-8.