Quique Flores, treinador do Benfica, comentando a vitória sobre o E. Amadora na flash interview da SportTV:

«Foi um jogo muito difícil, era complicado preparar a equipa com tantos jogadores fora durante estas semanas. Cometemos alguns erros, mas o mais importante é continuar a somar pontos. Sim, admito que devíamos criar mais oportunidades, mas há jogos em que não se consegue jogar tão bem como queríamos e aí é importante conseguirmos somar pontos. Quando a equipa não joga bem não posso estar satisfeito, mas não vou criticar os jogadores. Estamos aqui para lhes dar ânimo e tentar que no próximo jogo, para lá da vitória, haja uma boa exibição.»

Negando ter admitido que o terceiro lugar, por comparação com a época passada, já seria satisfatório:

«Isso foram vocês (Comunicação Social) que disseram. O que eu disse é que há três equipas que podem lutar pelo título e continuamos a aspirar ao máximo, até final. E disse que se acabarmos onde estamos agora, ainda assim, teremos feito melhor do que na época passada.»

Lázaro assume orgulho na sua equipa

Lázaro Oliveira, treinador do E. Amadora, mostrou-se satisfeito com a resposta da equipa, depois de mais uma semana atribulada e com pouco tempo de trabalho:

«Estou bastante orgulhoso pelo que os jogadores fizeram esta noite, tal como o estou pelo que tem acontecido durante toda a época. Os dois golos cedo condicionaram a nossa estratégia, mas a equipa deu uma boa resposta na segunda parte. A resposta à falta de treinos foi dada, pela forma como o Estrela quis ganhar o jogo na segunda parte. A única forma de cá andarmos é acreditar que haja solução para os problemas.»