Golos de Salvio, numa recarga a defesa incompleta de Beto, logo aos 5 minutos, e de Lima, aos 35 minutos, em contra-ataque, pareciam colocar os encarnados ao abrigo de dissabores, mas o Sp. Braga, que vinha chegando com alguma frequência à baliza de Artur, não deixou de estar na luta, e dominou as operações na segunda parte. Aos 77 minutos, o suplente João Pedro aproveitou um excelente passe de Éder para fazer o 1-2, e deixar o Benfica sob pressão, que só diminui quando o alemão Haas foi expulso por derrubar Lima, em lance de perigo.

Com este resultado, o Benfica volta a destacar-se na liderança da Liga, com mais três pontos e um jogo do que o F.C. Porto, que só joga nesta segunda-feira, diante do Gil Vicente. O Sp. Braga está agora a 13 pontos dos encarnados.

Ficha do jogo

Classificação