Segundo dados do clube inglês, 3400 gunners estão a caminho de Roma e devem, a todo o custo, evitar as zonas frequentadas pelos Ultra gialorossi. Piazza Flaminio, Ponte Duca D¿Aosta, Campo de Fiorri são os locais citados no comunicado e dos quais os adeptos do Arsenal se devem distanciar.

«Se viajar individualmente para o estádio, por favor tenha noção do risco que corre», reforçando o Arsenal. A rota aconselhada pelo clube inglês é pela Villa Borghese, de onde partirão autocarros gratuitos com destino ao Olimpico, palco da final da Liga dos Campeões deste ano.

A capital italiana, tendencialmente crítica nestes aspectos, está de sobreaviso quanto a incidentes como os registados nos últimos anos. A UEFA já advertiu que qualquer acto de vandalismo entre a presente data e 27 de Maio fará mudar «o jogo mais desejado», a final da Liga dos Campeões, para outra cidade europeia.

Quanto ao futebol no relvado, o Arsenal venceu por 1-0 na primeira mão da eliminatória (golo de Van Persie) e procura, nesta quarta-feira, atingir os quartos da prova pela terceira vez em quatro anos.