Rui Vitória, treinador do Benfica, em declarações à SporTV após a vitória por 0-1 em Vila do Conde:

«O Rio Ave posicionou-se bem, tirou-nos a capacidade de resolver mais depressa o jogo. Não perdemos a lucidez. Os caminhos estavam fechados e ao intervalo corrigimos isso, precisávamos de entrar por outros espaços. Não deixámos o Rio Ave ter uma oportunidade de golo».

[Sobre a entrada feliz de Raul Jiménez]

«É esse o espírito desta equipa. Todos os jogadores estão a sentir isto. Quando entram acabam por acrescentar, porque estão ligados ao jogo, com espírito positivo. É o caso do Raul Jiménez».

[Sobre as mudanças na segunda parte]

«O Rio Ave acomodou-se às nossas características, estava estável. Com a mudança de atletas criámos novas dinâmicas e nova incerteza na área do Rio Ave. Todos os jogadores foram fantásticos, tal como a massa adepta. Jogam e ganham connosco».

[Sobre a «sorte» na jogada do golo]

«Estrelinha de campeão? O maior elogio que dou ao Rio Ave é a organização defensiva. A minha equipa foi melhor, ponto final».