Como é encarar a vida depois de tantos anos a jogar à bola, a representar grandes clubes, a conquistar grandes títulos? «Para mim, tem sido gostoso, tenho tido uma vida maravilhosa. Tenho estado estes três anos em família, tranquilo, junto de quem gosto¿»

É claro que o bichinho do futebol está lá sempre e Derlei ressalva que sempre que pode «vê jogos na televisão, muitos deles de equipas portuguesas».

Mais recentemente, mas «ainda de forma moderada, devagarinho¿», Derlei tem também feito algumas intermediações de jogadores, utilizando os seus conhecimentos e contactos para «ajudar alguns jogadores jovens a singrar no futebol».

Neste primeiro dia de 2013, e através do Futebol Brasil, Derlei deseja «um ano tranquilo e sereno a todos os portugueses». «Sei que as coisas por aí estão difíceis, mas espero que este ano seja de melhoria para toda a gente aí em Portugal».