«O Real Madrid até pode ganhar de forma mais folgada que nós, mas gastou muito dinheiro para conseguir esse objectivo», acrescentou Guardiola, para quem os «merengues» contam com uma vantagem nesta fase do campeonato: «Só pensam na Liga. O seu desgaste mental diminuiu na altura certa.»

Guardiola lembra que o Barça está «a manter o ritmo da época passada» e que foi o Real quem subiu de rendimento. «Houve campeões com 75 pontos e nós temos 71. Eles têm muito boa equipa e cada jogo será muito complicado para nós, mas tentaremos ganhar todos», garantiu.

O próximo é o Maiorca, um rival difícil segundo o antigo futebolista: «Se atingiu estes números até agora é porque tem qualidade, pelo trabalho do seu treinador, pela sua subida de forma durante o campeonato. Tem jogadores muito bons em todos os sectores e o guarda-redes também é muito bom. Conseguiram juntar tudo isto e acrescentar-lhe tranquilidade a nível do clube, que nunca é simples. Jogam muito bem.»

O técnico está feliz pelo regresso de Xabi, após duas semanas de baixa, e garantiu que não há nenhum segredo a passar a Maradona para que Messi seja na África do Sul, pela Argentina, o que é em Barcelona: «Não tenho de ensinar nada a Maradona, que foi o maior de todos. O segredo é Messi, que é bom, solidário, ganhar. Que ama o Barça e o seu país. Aqui há um acompanhamento diário, lá só de vez em quando. E isso cria os automatismos que facilitam as coisas.»