A nota emitida pelo clube italiano refere que foi alcançado um acordo «amigavelmente», resolvendo assim o diferendo que estava a ser ajuizado pelo Colégio Arbitral da Liga transalpina.

A fechar, a Juventus deseja ao central português os «maiores sucessos para o futuro profissional, tanto a nível de clubes como de selecção».

Jorge Andrade tinha contrato com a Juventus até 2010. Por força das várias lesões graves sofridas pelo jogador, o emblema de Turim tinha anunciado a intenção de rescindir o contrato logo em Setembro de 2008, mas gerou-se um diferendo, agora resolvido.