A vitória começou a ser construído pelo talento de Nuno Santos. O esquerdino contratado à Oliveirense marcou o primeiro e o segundo golos do jogo aos 13 e 29 minutos. Foi com esse resultado que se chegou ao intervalo. No reatamento da partida, Roma reduziu de grande penalidade para o Sp. Covilhã, aos 49 minutos, lançando a esperança dos serranos em dar a volta.

Durou pouco a esperança, porém. O Santa Clara marcou logo no minuto a seguir o terceiro golo, por Vouho, avançado emprestado pela Académica, e com isso matou as esperanças do Sp. Covilhã. Mais tarde, o central André Pinto fez aos 81 minutos o 4-1. O resultado final foi estabelecido já em período de descontos, no melhor golo da tarde: Dani fez o segundo golo do Sp. Covilhã num toque de calcanhar à Madjer.

Resultados da oitava jornada da Liga de Honra:

Sp. Covilhã-Santa Clara, 2-4

(Roma, 49m; Dani, 90m) (Nuno Santos, 13m , 29m; Vouho, 50m; André Pinto, 81m)

Gil Vicente-Portimonense

Estoril-Gondomar

Vizela-U. Leiria

D. Aves-Feirense

Olhanense-Oliveirense

Boavista-Beira Mar

Varzim-Freamunde