O clube inglês pode vir a comprar uma equipa naquele campeonato, que será aumentado com a criação de um «franchise» em Filadélfia (Pensilvânia) este ano, e no próximo, em Vancouver, Canadá, e Portland, no Oregon.

«Tivemos discussões preliminares sobre isso», disse o comissário da MLS, acerca de uma reunião com o director-executivo do Man City, Garry Cook, em declarações ao «Manchester Evening News».

Quase certa, no entanto, é a presença dos «citizens» em solo norte-americano para iuma digressão.