Os albaneses resistiram meia-hora e mais um minuto, altura em que o central Leon Andreasen fez o 1-0, em Copenhaga. Não demorou até voltarem os festejos entre os adeptos da casa. Soren Larsen fez o 2-0, aos 37 e colocou, praticamente, um ponto final nas dúvidas sobre o vencedor do encontro.

Ainda assim, a Dinamarca fez o terceiro já na recta final do jogo, através de Poulsen, aos 80 minutos. Desse modo, os dinamarqueses continuam sem dar hipóteses para os adversários aproximarem-se. Ou seja, têm mais sete pontos que Portugal.

Eis as equipas:

Dinamarca: Sorensen; Lars Jacobsen, Leon Andreasen, Daniel Agger e Michael Jakobsen; Christian Poulsen e Daniel Jensen (Bendtner, 34); Dennis Rommedhal (Jonas Borring, 71), Martin Jorgensen (Jacob Poulsen, 46) e Thomas Khalenberg; Soren Larsen

Albânia: Hidi; Vangjeli, Dallku, Curri e Agulli; Bylykbashi (Beqiri, 82) e Bulku (Salihi, 46); Duro, Skela e Lika; Berisha (Memelli, 85)