No reduto do Deportivo, Simão garantiu não só o triunfo do Atlético de Madrid (1-2), mas também um lugar na história dos «colchoneros». «Fazer parte da história de um clube com a grandeza do Atlético de Madrid é algo muito importante. Na verdade, só soube que tinha marcado o golo quatro mil quando acabou o jogo. Melhor assim, caso contrário todos iam querer marcar», disse o jogador, com humor, em declarações reproduzidas pelo site oficial do clube.

O Atlético de Madrid foi a quarta equipa a chegar aos quatro mil golos no principal escalão do futebol espanhol. Real Madrid, Barcelona e At. Bilbao já tinha atingido essa marca.