Miguel Ángel Gil Marin, diretor-geral do Atlético Madrid, que tem a pasta do novo estádio, revelou que o clube espera começar a atuar no «La Peinete» no verão de 2016 e que as obras deverão estar concluídas no início desse ano.

«Temos a intenção de terminar as obras na temporada 2015/16 para entrar no novo estádio em 2016/17», assegurou Gil Marin aos jornalistas espanhóis durante uma visita às obras do novo recinto e em que também esteve presente o presidente do Atlético Madrid, Enrique Cerezo.

Caso Madrid tivesse conquistado a organização dos Jogos Olímpicos de 2020, o «La Peinete» serviria como Estádio Olímpico, mas a derrota para Tóquio acaba por possibilitar que o recinto possa ter lotação para 70 mil espetadores, em vez dos 55 mil inicialmente previstos, já que teria que incluir uma pista de atletismo.

O Atlético Madrid, adversário do F.C. Porto esta temporada no Grupo G da Liga dos Campeões e clube em que atua o médio português Tiago, joga desde 1996 no Vicente Calderon, estádio que vai ser demolido após a mudança para o «La Peinete».