O treinador português deslocou-se à Turquia, devidamente autorizado pela federação lituana, com a qual vai negociar, ainda, um novo enquadramento de funções de viabilize a acumulação dos dois cargos.

A assinatura do contrato com o clube turco, que tem por objectivo lutar por um lugar na Taça UEFA na próxima temporada, está, porém, dependente da aprovação do organismo da Lituânia.