O internacional português acha este tipo de comparações «odiosas», embora saliente que «Eusébio é o rei» e ninguém pode ser comparado ao antigo jogador do Benfica.

Figo não tem dúvidas sobre quem foi o melhor na sua geração: ele. Os prémios e o que ganhou são suficiente, na opinião do internacional português, para o garantir.

Veja todas as declarações no vídeo associado a este artigo.