O irmão mais velho do internacional português, Ratcha Na Bagna afirmou que o Bruma vai «finalmente voltar a fazer aquilo de que mais gosta».

O irmão de Bruma acrescentou ainda que a mãe e o resto da família do jogador ficaram satisfeitos com a resolução do diferendo entre o jogador, o seu agente e o Sporting. Em nome da família, Ratcha Na Bagna disse acreditar que Bruma tem qualidade para representar o Galatasary, mas pediu ao internacional sub-20 para ter «humildade, responsabilidade e respeito pelo treinador».

«Mesmo sendo um génio, como penso que ele é, primeiro tem de respeitar toda a gente. O Bruma tem de ter sempre em mente que foi para a Europa para jogar futebol», sublinhou.

Hoje, o diretor-geral do Desporto da Guiné-Bissau, José da Cunha, saudou o desfecho do caso Bruma, considerando que a polémica já «devia ter terminado há muito tempo, mas felizmente tudo acabou bem para o jogador e para o Sporting».

O Sporting informou hoje que receberá até 13 milhões de euros pela transferência de Bruma e que o clube português ainda detém 25 por cento da mais-valia numa futura transferência.

O Galatasary revelou ainda que o português recebeu um prémio de assinatura de um milhão de euros, a mesma verba que receberá por cada uma das cinco temporadas. No acordo ficou ainda estipulado que Bruma receberá 10 mil euros por cada jogo disputado.