Por ser o capitão de equipa, o guarda-redes do FC Porto abriu a cerimónia com um discurso, e assim que terminou passou o microfone ao central do Barcelona, que ficou muito surpreendido. «Eu não falo», disse duas vezes.

Na verdade era mesmo uma partida de Casillas. Seguiu-se uma ronda de perguntas pré-definidas, mas o «speaker» anunciou que o primeiro a responder era Andrés Iniesta, que tirou logo o microfone ao colega (de seleção e de equipa).

Casillas e Piqué ficaram a brincar com o sucedido.