Sónia Carneiro, diretora executiva da Liga, afirmou nesta segunda-feira, que na próxima época os jogos do campeonato vão decorrer, por regra, entre sexta-feira e domingo, ficando a segunda-feira reservada para quando for necessário cumprir regulamentos.

«Na próxima época, teremos jogos de sexta a domingo. Os jogos à segunda-feira só vão ocorrer por necessidade regulamentar, porque é óbvio que não podemos ter uma equipa que joga a Liga Europa à quinta-feira a jogar no campeonato ao sábado», disse durante a «Conferência Bola Branca – Que futebol queremos para Portugal», organizada pela Rádio Renascença.

«O horário de segunda-feira fica aberto para quem joga a meio da semana anterior. Porque a ideia é que todos possam assistir aos jogos», continuou, ainda que admitindo que não é possível concentrar todos os jogos naquele que durante muitos anos foi o horário nobre do futebol.

«Os jogos não podem ser todos às 15 horas ao domingo. Existem as televisões e temos de ter um produto televisivo apelativo», defende.

Nesse sentido, a mesma responsável afirmou que uma das medidas propostas pela Liga, no âmbito da distribuição de receitas, passa por compensar as equipas que não se apuram para as competições europeias, mas que acabam prejudicadas pela recalendarização.

«Uma das ideias passa por distribuir 20 por cento do valor total [arrecadado pela participação europeia] pelas equipas que não participam nas competições europeias, mas que acabam por ser prejudicadas pelo calendário», aponta.

No que diz respeito a outras novidades para a próxima época, Sónia Carneiro diz que na próxima época «passará a estar disponível também o horário das 12h45», e referiu «acreditar» que «já haverá bancada em pé» em alguns setores dos estádios portugueses.

 

[artigo atualizado]