Soares Franco, presidente do Sporting, teceu duras críticas ao árbitro Lucílio Baptista após o desaire frente ao Benfica, na final da Taça da Liga:

«Fomos roubados, o Sporting foi aqui hoje roubado. Quem ganhou o jogo no fim dos 90 minutos foi o Sporting. Assinalou-se uma grande penalidade que não existiu. Jogadores do Sporting ouviram o auxiliar dizer insistentemente que não havia grande penalidade. O Sporting devia levar este troféu que ajudou a promover. No ano passado perdemos nas grandes penalidades, hoje vencemos nos 90 minutos e não vamos levar a Taça. Assistimos a uma semana onde se fizeram demasiadas conjunturas sobre este jogo. Houve até alguma indelicadeza por parte do nosso adversário, com a história do doping. É muito triste e muito difícil. Não vou falar nunca na vida com Lucílio Baptista. A primeira coisa que tenho esperança é que peçam desculpa ao Sporting.»