O internacional montenegrino abandonou o Hospital CUF Infante Santo por volta das 14:30, com o ombro imobilizado, e acompanhado por um funcionário do Sporting, sem fazer comentários. Agora segue-se o processo de recuperação, que prevê o regresso ao treino em oito semanas.