Apesar de ter sido um dos maiores negócios deste mercado de inverno a nível europeu, o avançado Paulinho não entra no top-10 das contratações mais caras de sempre do futebol português: nesta altura, o jogador do Sporting, que é também a maior aquisição de sempre da SAD leonina, surge apenas na 11ª posição, em igualdade com Rafa Silva.

A lista das contratações mais caras do futebol português tem cinco jogadores do Benfica nas cinco primeiras posições e é liderada por Darwin Nuñez, seguido de Raul Jimenez, que custou qualquer coisa como 22 milhões de euros.

Seguem-se então cinco jogadores que custaram 20 milhões de euros: Everton Cebolinha, Pedrinho e Raul de Tomas, por parte do Benfica, Imbula e Oliver Torres, por parte do FC Porto. 

Refira-se por fim que seis das dez transferências mais caras de sempre no futebol português foram feitas nas duas temporadas mais recentes e refira-se também que o Sporting só tem um jogador nas quinze transferências mais caras realizadas por parte de clubes nacionais: precisamente Paulinho, contratado neste mercado ao Sp. Braga.