Mundo Brasil

O médio-ofensivo, de 24 anos, atua na Arábia Saudita, no Al Ahli Jeddah, o novo clube de Vítor Pereira e Mossoró.

Mas, contrariamente ao antigo treinador do F.C. Porto e ao ex-médio do Sp. Braga, Bruno César não é um reforço recente do clube saudita.

O «chuta-chuta», alcunha que mantém no futebol desde os tempos em que atuava no Brasil, está no Al Ahli desde janeiro passado.

Em entrevista ao Maisfutebol, Bruno César mostra-se satisfeito pela forma como as coisas estão a correr, garante que já está adaptado ao futebol saudita, mas não esconde o desejo de, «num prazo de um ou dois anos», voltar ao futebol europeu. A Portugal: «Com certeza, gostaria muito. Para mim, foi uma honra representar o Benfica e quem sabe um dia poderei voltar, seja ao Benfica ou a outro grande clube. O meu desejo é poder continuar a mostrar o meu futebol num grande da Europa, pois é aí que está a visibilidade e, com ela, a possibilidade de singrar na seleção brasileira».

A ambição é evidente, de um jogador que, aos 24 anos («em novembro faço 25, já não falta muito»), sente que está a entrar numa fase decisiva da progressão da sua carreira.

Será bom estar na Arábia Saudita nesta altura, Bruno César?

«Estou bem aqui, insisto. O clube é excelente, tem boas condições e uma grande ambição. Estamos a disputar com o Seul um lugar nas meias-finais da Champions League da Ásia. Empatámos o primeiro jogo em casa, 1-1, estava tudo muito no início de época, mas agora estamos melhor e acredito que podemos garantir, lá na Coreia, a qualificação no dia 18», comenta o brasileiro.

Muito entusiasmado com o trabalho de Vítor Pereira, Bruno César reforça que o Al Ahli começou bem a época: «Nos três primeiros jogos ainda não perdemos. Tivemos esse empate com o Seul para a Liga dos Campeões. No campeonato, vencemos em casa do Al Faisaly por 1-3 e empatámos com o Al Nassr, 0-0. As coisas estão a ir bem e acredito que vamos fazer uam grande época».

E jogar na Arábia, é muito diferente? «Sim, claro que sim. No início foi difícil, mas já estou mais habituado. É bom haver mais jogadores estrangeiros, mas é fundamental que os jogadores árabes também ajudem. Felizmente, muitos deles têm grande qualidade. Fisicamente, são fortes, aguentam o ritmo. Mas é claro que há diferenças. O Al Ahli é o único clube saudita que tem escalões de base e isso nota-se, dá mais possibilidades».

BRUNO CÉSAR

Nome: Bruno César Zanaki

Data de nascimento: 3 de novembro de 1988 (24 anos)

Naturalidade: Santa Bárbara d'Oeste, São Paulo, Brasil

Posição: Avançado

Altura: 1, 77 metros

Peso: 83 quilos

Percurso: Bahia (2005-2006), São Paulo (2007), Grêmio (2008), Canoas (2009), Noroeste (2009), Santo André (2009, 2010), Corinthians (2010, 2011), Benfica (2011/2012), Al Ahli Jeddah (2013)

Principais títulos: uma Taça da Liga (2012), um Brasileirão (2011), Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior (2008), Campeonato Brasileiro de sub-20 (2008), Craque Revelação do Brasileirão (2010, pelo Corinthians)