Em entrevista ao canal televisivo da Federação Alemã de Futebol, o médio acrescentou ainda que os responsáveis dos Gunners lhe deram um voto de confiança: «Ele (Arsène Wenger) disse que confia em mim».

Quanto à sua adaptação a Londres, Ozil disse que Podolski e Mertesacker, seus companheiros de seleção e colegas no Arsenal, vão ajudá-lo nesta nova etapa. Arsène Wenger, também fala alemão, algo que facilitará a comunicação entre o jogador e o técnico francês.