Maisfutebol

Turquia: a análise

1

A Turquia chega ao Euro2020 como segunda classificada do grupo, atrás da França. A equipa de Senol Gunes tirou quatro pontos aos campeões do mundo e, por pouco, não lhes ficava com o primeiro lugar. A defesa esteve em destaque, tendo em conta apenas três golos sofridos.

As “Estrelas Crescentes” são, tradicionalmente, associadas a paixão, talento e uma atitude algo despiciente relativamente à defesa, mas após anos de erros ridículos, a Turquia parece ter transformado a sua maior fraqueza na sua maior virtude.

Chegam ao Europeu com aquela que será, indiscutivelmente, a melhor equipa desde o Mundial2002, quando conseguiram um terceiro lugar, precisamente sob o comando de Gunes. «Quero terminar o grupo no primeiro lugar», disse o selecionador após o sorteio, que incluiu a Turquia no Grupo A, com Itália, País de Gales e Suíça.

Caglar Soyuncu, do Leicester, talvez seja o nome mais conhecido da defesa, mas há mais do que isso. As opções abundam, incluindo o ex-sportinguista Merih Demiral, agora na Juventus, um daqueles centrais que cerra os punhos depois de fazer um corte de carrinho.

O lateral direito, Mehmet Zeki Celik, tem sido brilhante no Lille, nas últimas épocas, enquanto que Ozan Kabak deixou boa impressão no empréstimo ao Liverpool, até se lesionar. Depois ainda há opções como Mert Muldur, Ridvan Yilmaz e Kaan Ayhan, num defesa muito jovem. Soyuncu será o mais experiente dos prováveis titulares na defesa, e tem apenas 24 anos.

A fraqueza pode ser o lado esquerdo da defesa, onde Gunes não tem opções com tanta qualidade, mas onde Umut Meras e Yilmaz, de 20 anos, podem dar nas vistas.

A maior parte dos jogadores atuam no estrangeiro, e Gunes espera que isso continue: «Temos cerca de 15 jogadores espalhados pela Europa. O Brasil tem seis a sete mil. A Sérvia tem 700. Temos de produzir mais talento», afirmou.

Okay Yokuslu, que esteve emprestado pelo Celta de Vigo ao West Bromwich Albion, é o herói anónimo no meio-campo defensivo, com Ozan Tufan, o “box-to-box”, a seu lado. Yusuf Yazici apareceu brilhantemente no Lille e terá a tarefa de alimentar o talento do ataque, embora enfrente a concorrência de Hakan Calhanoglu, Kenan Karaman e Cengiz Under.

No ataque, Burak Yilmaz parece estar a envelhecer como um bom vinho. O avançado não parou de marcar esta época, no Lille. «O Burak ainda está a aprender, diariamente. É um grande exemplo para os jovens», diz Gunes.

A Turquia será uma equipa difícil de quebrar, à qual será difícil incutir golpes no ataque.

Um potencial “outsider”.

2
Senol Gunes

O selecionador: Senol Gunes

Cimentou o estatuto de herói em 2002, ao levar a Turquia ao terceiro lugar no Campeonato do Mundo. Essa equipa é recordada como a geração de ouro, mas Gunes pode ter criado algo igualmente entusiasmante.

Gunes é um verdadeiro professor, já que chegou mesmo a dar aulas, numa escola no topo de uma montanha de Trabzon, na costa leste do Mar Negro. «Ainda me vejo como professor. Nada me satisfaz mais do que ver os meus jogadores alcançar o sucesso», diz.

3
Çağlar Söyüncü (twitter Leicester)

A figura: Caglar Soyuncu

É o representante desta nova equipa da Turquia, estruturada a partir da defesa, com o jogador do Leicester no eixo central. O rapaz de maxilar vincado tem origens humildes e contornou os dois principais escalões do futebol turco para seguir para a Bundesliga, e depois para a Premier League. É um jogador muito conhecido, que joga na melhor Liga do mundo, e por isso com popularidade em alta na Turquia.

Trabalhador, profissional e humilde, raramente é motivo de notícia, e também não liga muito às redes sociais. Ironicamente, isso tornou-o ainda mais popular na Turquia.

Também faz publicidade a desodorizantes.

4

Onze provável

4x2x3x1

Ugurcan Cakir; Umut Meras, Caglar Soyuncu, Mreih Demiral e Mehmet Zeki Celik; Okay Yokuslu e Ozan Tofun; Kenan Karaman, Hakan Calhanoglu e Yusuf Yazici; Burak Yilmaz.

[Cengiz Under pode ser titular no lado direito do ataque, em detrimento de Yusuf Yazici, que pode alternar com Calhanoglu]

5

O jogador mais grato pelo adiamento: Demiral, Yazici e Kabak

O adiamento foi uma bênção disfarçada para a Turquia, uma vez que Merih Demiral, Yusuf Yazici e Ozan Kabak iam falhar o torneio devido a lesão. O trio recuperou dos problemas físicos e realizou épocas impressionantes, ainda que Kabak se tenha lesionado novamente, entretanto. A equipa é indiscutivelmente mais forte do que teria sido há doze meses.

6

O que os adeptos cantam

Tarkan, estrela pop da Turquia, é o autor da música mais associada à seleção: “Bir Oluruz Yolunda”, que basicamente significa "A caminho de tornar-se unida".

Tornou-se o hino oficioso não só pela melodia cativante, mas também porque foi modificada para o Mundial2002. Mas Tarkal enfrenta concorrência, uma vez mais, já que outro peso-pesado da música turca, Mustafa Sandal, decidiu lançar uma música para o Euro.

7

O que os adeptos dizem

«Biz bitti demeden bitzem»

«Não acaba até dizermos que acabou» (uma referência ao historial turco de reviravoltas)

«Etten duvar ordu»

«Uma parede de carne» (o equivalente turco a “estacionar o autocarro”)

«Kalesinde devlesti»

«Um gigante na baliza»(destinado a guarda-redes que brilham)

8
Ozan Tufan (AP)

Herói da pandemia: Ozan Tufan

O internacional turco participou em reuniões de Zoom com estudantes de uma escola de Hatay, na fronteira entre a Turquia e a Síria. O médio também convidou um dos alunos, que queria ser futebolista, para participar num treino do Fenerbahçe quando acabasse a pandemia. E ainda doou quase dois mil livros para uma nova biblioteca.

Textos de Emre Sarigul, que escreve para o turkish-football.com.

Maisfutebol
Finlândia 7 jun, 00:24
Escócia 7 jun, 00:23
Suíça 7 jun, 00:23
Suécia 7 jun, 00:23
Dinamarca 7 jun, 00:23
Espanha 7 jun, 00:22
Ucrânia 7 jun, 00:22
Itália 7 jun, 00:22
Países Baixos 7 jun, 00:22
Turquia 7 jun, 00:21
Bélgica 7 jun, 00:21
País de Gales 7 jun, 00:20
Rep. Checa 7 jun, 00:20
Polónia 7 jun, 00:20
Áustria 7 jun, 00:19
Croácia 7 jun, 00:19
Hungria 7 jun, 00:19
Rússia 7 jun, 00:19
Alemanha 7 jun, 00:18
Eslováquia 7 jun, 00:18
Inglaterra 7 jun, 00:18
França 7 jun, 00:17
Portugal 20 mai, 23:45